Associação de Divulgação da Doutrina Espírita

São José do Rio Preto - SP

Mensagem de Domingo dia 27/08/2017

Miltermai- ADDE - domingo, 27 de agosto de 2017

VISITE O SITE DA ADDE:
WWW.ADDE.COM.BR
 

Tolerância
 
Tolerância é caminho de paz.
Não julgues esse ou aquele companheiro ignorante ou desinformado, porquanto, se aprendeste a ouvir, já sabes compreender.
 
Diante de criaturas que te enderecem qualquer agressão, conversa com naturalidade, sem palavras de revide que possam desapontar o interlocutor.
 
Perante qualquer ofensa, não percas o sorriso fraternal e articula alguma frase, capaz de devolver o ofensor à tranquilidade.
 
Nos empecilhos da existência, tolera os obstáculos sem rebeldia e eles se te farão facilmente removíveis.
 
No serviço profissional, suporta com paciência o colega difícil, e, aos poucos, em te observando a calma e a prudência, ele mesmo transformará para melhor as próprias disposições.
 
Em família, tolera os parentes menos simpáticos e, com os teus exemplos de abnegação, conquistarás de todos eles a bênção da simpatia.
 
No trânsito público, não passes recibo aos palavrões que alguém te dirija e evitará discussões de consequências imprevisíveis.
 
Nos aborrecimentos e provações que te surgem, a cada dia, suporta com humildade as ocorrências suscetíveis de ferir-te, e a tolerância se te fará a trilha de acesso à felicidade, de vez que aceitarás todos os companheiros do mundo na condição de filhos de Deus e nossos próprios irmãos.
---------------------------------------
Emmanuel
Psicografia de Francisco Cândido Xavier. Livro: Plantão de Paz
===========================================================
FORMATAÇÃO E PESQUISA: MILTE -27-08-2017



 
 A EQUIPE DA ADDE

 
Imagem relacionada







 
Copyright © 2017 Associação de Divulgação da Doutrina Espírita, Todos os direitos reservados.
Você está recebendo esta mensagem, pois se inscreveu através do site
Sobre a ADDE:
Associação de Divulgação da Doutrina Espírita
 
 
São José do Rio PretoSP 
Brazil

Add us to your address book
FORMATADO POR MILTER
comments powered by Disqus