Associação de Divulgação da Doutrina Espírita

São José do Rio Preto - SP

Mensagens de Domingo - 04/06/2017

Miltermai- Adde - domingo, 4 de junho de 2017

VISITE O SITE DA ADDE:
WWW.ADDE.COM.BR

 
Resultado de imagem para MENSAGEM DE BOM DIA
 

 

Educação do Espírito
 
Segundo André Luiz no livro O Mundo Maior, a nossa reencarnação se presta a promovermos a educação do espírito. Para que isto aconteça, de maneira efetiva, temos que usar de três prerrogativas: a inteligência, o sentimento e a vontade.
 A inteligência é dinamizada pelo estudo, pelo entendimento e a vivencia da verdade. É evidente que nunca estaremos de posse absoluta da verdade, mas à medida que nos aproximamos dela, estamos decretando nossa libertação espiritual. Não foi sem razão que Jesus nos alertou dizendo: “espíritas, amai-vos, mas instruí-vos”.
 Conforme nos assevera André Luiz- “cada livro lido, uma ideia modificada”, este alerta nos convida ao estudo constante de algo que possa construir, em nós, um futuro espiritual promissor. O Evangelho de Jesus, sendo a verdade, tem como prioridade nos despertar o interesse em segui-lo, libertando nosso espírito das amarras que nos prendem à inferioridade.
O Espiritismo nos facilita o conhecimento, o entendimento e a entronização deste Evangelho em nossas vidas. O sentimento de bondade para com todos deve ser desenvolvido com esmero, uma vez que nossa capacidade de amar verdadeiramente ainda está tão longe da nossa realidade espiritual. A bondade é uma aquisição possível, desde que tenhamos consciência de sua importância e nos esmeremos em adquiri-la.
 Devemos começar por realiza-la junto a nossos familiares e depois estendê-la para todas as outras pessoas de nossa relação. Não nos esqueçamos que sermos bons com os animais e com as plantas é também uma necessidade premente. A vontade é o terceiro elemento da nossa educação espiritual. Portanto, a vontade de nos transformarmos em seres mais educados e, por consequência, mais elevados espiritualmente, não pode ser menosprezada.
 Pelo contrário, ela deve ser enorme e constante. Apesar de já termos percorrido muito tempo, desde os momentos remotos de Buda, de Jesus, até os dias de hoje, com inúmeras experiências reencarnatórias, ainda continuamos valorizando mais a vida material, em detrimento da vida espiritual. Por conta disso, nossa vontade tem sido canalizada para os nossos interesses imediatos, sem pensarmos na continuidade da vida, ou seja, na necessidade de investirmos em nosso aprimoramento espiritual.
 Já entendemos que o amor deve ser universal, que o espírito é imortal e, no entanto, continuamos ferindo, sem cessar, a criação Divina, nas suas mais diferentes modalidades.
Para nós, o modelo e guia da humanidade é Jesus, mas para muitos adeptos de outras religiões, filosofias ou seitas talvez não O seja.
 Porém, existem os dez mandamentos da lei de Deus que são universais. E todos eles nos remetem a pensarmos que a melhor e mais racional conduta é a de fazermos ao outro o que gostaríamos que nos fizesse. Isso é educação espiritual.
Pensemos e aproveitemos o melhor desta vida, no corpo físico, para voltarmos ao mundo espiritual, bem melhor do que aqui chegamos, para ampliarmos nossa educação espiritual.

Aguinaldo de Paula Vasconcelos – Jornal Verdade e Vida (ADDE) – Edição abril/maio/2017
--------------------------------------------------------------
formatação e pesquisa: MILTER -04/06/2017
 
Imagem relacionada
 
A EQUIPE DA ADDE
Imagem relacionada




 
Copyright © 2017 Associação de Divulgação da Doutrina Espírita, Todos os direitos reservados.
Você está recebendo esta mensagem, pois se inscreveu através do site
Sobre a ADDE:
Associação de Divulgação da Doutrina Espírita
Rua Voluntários de São Paulo, 3180, Centro
sala 111
São José do Rio PretoSP 15015-200
Brazil

Add us to your address book
FORMATADO POR MILTER
comments powered by Disqus