Associação de Divulgação da Doutrina Espírita

São José do Rio Preto - SP

Hora do Evangelho no Lar - A Paciência- item 7 - segundas feiras, 12hs.

Departamento de Evangelho no Lar - CEFA - segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

HORA DO EVANGELHO NO LAR

“Sede, pois, pacientes, sede cristãos: esta palavra resume tudo.”." (ESE – cap. 9 –item 7)

 

PRECE

Agradecemos Mestre Amado por mais esta oportunidade de aprendizado e reflexão, por estarmos juntos e pela oportunidade maravilhosa do trabalho no bem. Mestre Jesus que conheces todas as nossas imperfeições, que nos ama profundamente, auxiliai-nos a compreender as leis divinas. Auxilia-nos a entender Teu Evangelho de Luz, ensina-nos a aplicá-lo em nossas vidas, afim de que sejamos cada dia melhores do que fomos ontem.  Auxilia-nos a reconhecermos e corrigirmos nossas falhas, nossas imperfeições.  Dai-nos força e coragem para sermos humildes e mostrai-nos o caminho da iniciativa para solucionarmos nossas dificuldades. Mostrai-nos Senhor, o caminho da persistência, para evitarmos o desânimo; o caminho da caridade, para evitarmos o egoísmo e podermos dividir os benefícios que recebemos todos os dias. Que Tua Paz e Teu Amor nos envolva em todos os momentos de nossas vidas. Permaneça sempre conosco, Senhor, inspirando-nos e auxiliando-nos no entendimento e na aplicação dos Teus ensinamentos. 

E assim Mestre Jesus, em Teu Nome, em nome da espiritualidade amiga responsável por este trabalho de amor, amparados e protegidos, iniciamos os estudos de hoje.

Que assim seja!

Graças a Deus, Graças a Jesus.

 

MENSAGEM INICIAL

O MAIS DIFÍCIL

Diante das águas calmas, Jesus refletia. Afastara-se da multidão, momentos antes. Ouvira remoques e sarcasmos. Vira chagas e aflições. O Mestre pensava...

Tadeu e Tiago, o moço, João e Bartolomeu aproximaram-se. Não era aquele um momento raro? E ensaiaram perguntas.

- Senhor - disse João -, qual é o mais importante aviso da Lei na vida dos homens?

E o Divino Amigo passou a responder:

- Amemos a Deus sobre todas as coisas e o próximo como a nós mesmos.

- E qual é a virtude mais preciosa? - Indagou Tadeu.

- A humildade.

- Qual o talento mais nobre, Senhor? - Falou Tiago.

- O trabalho.

- E a norma de triunfo mais elevada? - Interrogou Bartolomeu.

- A persistência no bem.

- Mestre, e qual é, para nós todos, o mais alto dever? - Aventurou Tadeu novamente.

- Amar a todos, a todos servindo sem distinção.

- Oh! Isso é quase impossível – gemeu o aprendiz.

- A maldade é atributo de todos – clamou Tiago –; faço o bem quanto posso, mas apenas recolho espinhos de ingratidão.

- Vejo homens bons sofrendo calúnias por toda parte – acentuou outro discípulo.

- Tenho encontrado mãos criminosas toda vez que estendo as mãos para auxiliar - disse outro.

E as mágoas desfilaram diante do Mestre silencioso.

João, contudo, voltou a interrogá-lo:

- Senhor, que é mais difícil? Qual a aquisição mais difícil?

Jesus sorriu e declarou:

- A resposta está aqui mesmo em vossas lamentações. O mais difícil é ajudar em silêncio, amar sem crítica, dar sem pedir, entender sem reclamar... A aquisição mais difícil para nós todos chama-se paciência.

Espírito: Hilário Silva

Pelo espírito Hilário Silva, livro "A Vida Escreve"/Francisco Cândido Xavier e Waldo Vieira, Primeira parte, lição 10.

 

LEITURA DO EVANGELHO

Capítulo 9 – BEM-AVENTURADOS OS MANSOS E PACÍFICOS

II - Paciência

UM ESPÍRITO AMIGO, Havre, 1862

 

            7 – A dor é uma benção que Deus envia aos seus eleitos. Não vos aflijais, portanto, quando sofrerdes, mas, pelo contrário, bendizei a Deus todo poderoso, que vos marcou com a dor neste mundo, para a glória no céu.

            Sede paciente, pois a paciência é também caridade, e deveis praticar a lei de caridade, ensinada pelo Cristo, enviado de Deus. A caridade que consiste em dar esmolas aos pobres é a mais fácil de todas. Mas há uma bem mais penosa, e consequentemente bem mais meritória, que é a de perdoar os que Deus colocou em nosso caminho para serem os instrumentos de nossos sofrimentos e submeterem à prova a nossa paciência.

            A vida é difícil, bem o sei, constituindo-se de mil bagatelas que são como alfinetadas e acabam por nos ferir. Mas é necessário olhar para os deveres que nos são impostos, e para as consolações e compensações que obtemos, pois então veremos que as bênçãos são mais numerosas que as dores. O fardo parece mais leve quando olhamos para o alto, do que quando curvamos a fronte para a terra.

            Coragem, amigos: o Cristo é o vosso modelo. Sofreu mais que qualquer um de vós, e nada tinham de que se acusar, enquanto tendes a expiar o vosso passado e de fortalecer-vos para o futuro. Sede, pois, paciente, sede cristãos: esta palavra resume tudo.

REFLEXÕES: Um Espírito Amigo trouxe esta mensagem sobre a paciência, uma das qualidades que leva o homem a ser manso e pacífico. Ele se refere à paciência em relação aos sofrimentos por que passa o homem na Terra e em relação aos outros, em todos os relacionamentos. Conselhos difíceis de serem entendidos, pela razão e pela lógica, sem os princípios do espiritismo. Jesus, nosso Mestre, estabeleceu como lei a prática da doçura, da moderação, da afabilidade e da paciência, como os caminhos seguros para a conquista do equilíbrio entre as pessoas. A conquista dessas virtudes exige esforço e o reconhecimento das nossas imperfeições. Quantas vezes ouvimos as pessoas dizerem: "sou muito bom, mas não me contrarie"; "aqui mando eu"; "tenho suportado tudo calado". Não estamos aqui para suportar as pessoas, mas sim para aprender a amá-las e a paciência é uma virtude que se conquista diariamente. Os ensinamentos que Jesus nos trouxe, e que ainda hoje, passados mais de dois milênios, estamos procurando entender, nos mostra o caminho para a evolução espiritual. Mas, é necessário compreender que sem esforço não se conquista nada. Que para torna-se uma pessoa de bem é preciso exercitar a paciência e a doçura. Que todos têm o direito de expressar as suas opiniões, mesmo que elas sejam diferentes das nossas. A paz e o equilíbrio serão conquistados na medida em que nos esforçarmos para pôr em prática os ensinamentos de que já somos possuidores. É preciso, no entanto, boa vontade e perseverança, elementos essenciais na luta para vencer as imperfeições. Pensemos nisto!

 

PRECE E VIBRAÇÕES –

"Coloca o teu recipiente de água cristalina à frente de tuas orações e espera e confia." [Emmanuel / Chico Xavier]

Pedimos a permissão de Deus, e ao Divino Mestre suas bênçãos e o concurso da sempre amável e generosa espiritualidade amiga, a nos auxiliar nesse momento de vibração. E assim fortalecidos, amparados e harmonizados vamos vibrar, e vibrar é desejar os nossos melhores pensamentos e os nossos melhores sentimentos em benefício daqueles que necessitam de nossas preces.

Vamos vibrar pela Paz Mundial e harmonia entre todos os povos, pelo nosso povo, por nosso Brasil;

Vamos vibrar pelos lares em desarmonia;

Vamos vibrar por todos aqueles que se encontram presos aos vícios;

Pelos que sofrem com enfermidades na carne e na alma;

Por todos os que partiram desta vida em especial por aqueles que foram de forma trágica, pelos seus entes queridos que choram a dor da separação;

Pelas crianças indefesas e dependentes de orientações que a conduza no caminho do bem;

Pelos parentes difíceis que dificultam a boa convivência.

Pelo nosso lar, imaginando a figura meiga de Jesus entrando pela porta principal, deixando em todos os aposentos, um rastro de luz, que ilumina todos os ambientes e essa luz transborda por portas e janelas e vai envolvendo a todos os nossos vizinhos, removendo todos os miasmas oriundos da forma pensamento dos irmãos desajustados, proporcionando a todos uma atmosfera de paz, consolo, esperança, serenidade, respeito mútuo, e amor fraterno.

Pedimos, Mestre Jesus, permissão para vibrarmos por nós mesmos, para que saibamos reconhecer nossos erros e repará-los da melhor forma possível e para que tenhamos sempre muita paciência para perseverar na edificação do bem, mantendo a calma em todos os momentos da vida.

E assim, Jesus Amigo, encerrando nossos estudos, pedimos que os fluidos divinos sejam depositados em nossas águas e que através deles possamos receber as bênçãos que necessitamos. Graças, Senhor, por estes momentos de vibrações, em que pudemos nos doar e viver um clima espiritual tão belo, tão reconfortante! Que outras pessoas também tenham momentos assim. Despede-nos na Tua paz.

Que assim seja.

Graças a Deus, Graças a Jesus.

 

Uma semana abençoada para todos!

Paz e Luz.

 

comments powered by Disqus