Associação de Divulgação da Doutrina Espírita

São José do Rio Preto - SP

Hora do Evangelho no Lar - Injurias e Violências - Cap. 9 - itens 1 a 5 - segundas feiras, 12hs.

Departamento de Evangelho no Lar - CEFA - segunda-feira, 28 de novembro de 2016

HORA DO EVANGELHO NO LAR

Bem-aventurados os mansos, porque eles possuirão a Terra". (Mateus, V: 4)

 

PRECE 

Jesus, Mestre Querido, que neste momento em que nos encontramos reunidos em Teu nome, possamos, juntos, celebrarmos esta Doutrina de Luz que nos mostra os caminhos do bem e do amor. Que neste caminho Senhor, possamos caminhar com passos firmes, com segurança e com fé, amparando aqueles que necessitam mais do que nós mesmos. Que nunca, em tempo algum, partam de nossos corações injurias e violências contra nossos semelhantes. Que aprendamos a ser pacíficos como nos ensinou, Mestre Amado.

Ampara-nos a todos e permita Senhor, que nossos mentores possam nos assistir, auxiliando-nos na compreensão da lição de hoje e em sua aplicação em nosso dia-a-dia.

Em Teu Nome, Mestre e com Tua permissão iniciamos nossas reflexões de hoje, permaneça conosco e que assim seja. 

Graças a Deus, Graças a Jesus.

 

MENSAGEM INICIAL

SIMPLICIDADE

Quando o Senhor nos exortou à pureza infantil, como sendo a condição de entrada no plano superior, não nos convidava à insipiência ou à incultura. Recomendava-nos a simplicidade do coração, que se revela sempre disposto a aprender.

A rebeldia e a impermeabilidade são, quase sempre, escuros característicos daqueles que pretendem haver encontrado a última palavra em madureza espiritual.

Nossos excessos de raciocínio, em muitas ocasiões, não passam de desvarios da nossa mente, dominada por incompreensíveis cristalizações de vaidade ou de orgulho.

Criamos, em nossa invigilância, certos padrões convencionais de conduta que nos impedem qualquer acesso à verdadeira luz e, dentro deles, dormitamos à maneira de pássaros cativos que encarcerassem as próprias asas em estreitas limitações.

Contudo, quando entendemos que a vida se renova, todos os dias, e quando percebemos que todos os minutos constituem oportunidades de corrigir e aprender, auxiliar e redimir, entramos na posse da simplicidade real, suscetível de fixar em nosso íntimo, novos painéis de amor e sabedoria, paz e luz.

Guardemos o espírito de surpresa, diante do mundo e, à frente da estrada que o Alto nos destinou, convertamos a nossa ligação com o Pai Celeste por laço essencial de nosso coração com a vida e forma, estejamos convictos de que cada instante será para nós glorioso passo no conhecimento superior ou na direção do céu.

Emmanuel, do Livro: Trilha de Luz, psicografia de Francisco Cândido Xavier

 

LEITURA DO EVANGELHO

Capítulo 9 – BEM-AVENTURADOS OS MANSOS E PACÍFICOS

INJURIAS E VIOLÊNCIAS

 1 – Bem-aventurados os mansos, porque eles possuirão a Terra. (Mateus, V: 4).

2 – Bem-aventurados os pacíficos, porque serão chamados filhos de Deus. (Mateus, V: 9)

3 – Ouvistes que foi dito aos antigos: Não matarás, e quem matar será réu no juízo. Pois eu vos digo que todo o que se irá contra o seu irmão será réu no juízo; e o que disser a seu irmão: raca, será réu no conselho; e o que disser: és louco, merecerá a condenação do fogo do inferno. (Mateus, V: 21e 22).

4 – Por essas máximas, Jesus estabeleceu como lei a doçura, a moderação, a mansuetude, a afabilidade e a paciência. E, por consequência, condenou a violência, a cólera, e até mesmo toda expressão descortês para com os semelhantes. Raca era entre os hebreus uma expressão de desprezo, que significava homem reles, e era pronunciada cuspindo-se de lado. E Jesus vai ainda mais longe, pois ameaça com o fogo do inferno aquele que disser a seu irmão: És louco.

É evidente que nesta, como em qualquer circunstância, a intenção agrava ou atenua a falta. Mas por que uma simples palavra pode ter tamanha gravidade, para merecer tão severa reprovação? É que toda palavra ofensiva exprime um sentimento contrário à lei de amor e caridade, que deve regular as relações entre os homens, mantendo a união e a concórdia. É um atentado, à benevolência recíproca e à fraternidade, entretendo o ódio e a animosidade. Enfim, porque depois da humildade perante Deus, a caridade para com o próximo é a primeira lei de todo cristão.

5 – Mas o que dizia Jesus por estas palavras: “Bem-aventurados os mansos, porque eles possuirão a Terra?” Não ensinou ele a renúncia aos bens terrenos, prometendo os do céu?

Ao esperar os bens do céu, o homem necessita dos bens da terra para viver. O que ele recomenda, portanto, é que não se dê a estes últimos mais importância que aos primeiros.

Por essas palavras, ele quer dizer que até agora os bens da terra foram açambarcados pelos violentos, em prejuízo dos mansos e pacíficos. Que as estes falta frequentemente o necessário, enquanto os outros dispõem do supérfluo. E promete que justiça lhes será feita, assim na terra como no céu, porque eles serão chamados filhos de Deus. Quando a lei de amor e caridade for à lei da humanidade, não haverá mais egoísmo; o fraco e o pacífico não serão mais explorados nem espezinhados pelo forte e o violento. Será esse o estado da Terra, quando, segundo a lei do progresso e a promessa de Jesus, ela estiver transformada num mundo feliz, pela expulsão dos maus.

 

REFLEXÕES: Diante da escala de violência, dá pra acreditar que a Terra está evoluindo para melhor? Analisando alguns aspectos, a Humanidade está melhorando gradativamente. Não temos o milagre das transformações repentinas, a Humanidade progride, pouco a pouco, pelo desenvolvimento da inteligência, do senso moral e do abrandamento dos costumes. A violência, sentimento contrário a lei de Deus, que é de paz, constitui um desregramento transitório. Deixará de existir na Terra na medida em que adotarmos, para neutralizá-la a brandura, a mansuetude, a afabilidade, a moderação e a paciência, sentimentos que nos farão merecedores de habitar este planeta depois que ele houver se transformado, pelo amor, num mundo melhor.

 

PRECE E VIBRAÇÕES –

 

"Coloca o teu recipiente de água cristalina à frente de tuas orações e espera e confia." [Emmanuel / Chico Xavier]

 

E assim fortalecidos e harmonizados com Deus nosso Pai, nós vamos vibrar, e vibrar é desejar os nossos melhores pensamentos e os nossos melhores sentimentos.
Vamos vibrar pelo Bem Universal, pela Paz Mundial e harmonia entre todos os povos.
Vamos vibrar por todas as religiões que divulgam o Evangelho de Jesus e por todos os espíritos com tarefas Evangélicas.
Vamos vibrar pelo nosso Brasil, imaginando o seu contorno todo iluminado, e que essa luz seja forte para iluminar o nosso Presidente, envolvendo a ele e a todo o seu ministério com muito amor e justiça.
Vamos vibrar por todos aqueles que sofrem.
Por nossa Casa Espírita, que nos acolhe e por todos os trabalhos alii realizados, por todos os colaboradores e assistidos.
Vamos vibrar por todas as turmas de Escola de Aprendizes do Evangelho, pela Mocidade e Pré Mocidade Espírita e pela Evangelização Infantil.
Vamos vibrar por todos os lares da Terra, principalmente por aqueles que se encontram em desarmonia.
Por todos aqueles que nos pedem preces.
Pelo nosso lar, e pelos nossos queridos, imaginando a figura meiga de Jesus entrando pela porta principal, deixando em todos os aposentos, um rastro de luz, que ilumina todos os ambientes e essa luz transborda por portas e janelas e vai envolvendo a todos os nossos vizinhos.
E assim pedimos a Deus, permissão para vibrarmos por nós mesmos, criaturas que somos, tão necessitadas do amparo e da misericórdia Divina, que nossas águas possam ser fluidificadas, a fim de obtermos o bálsamo para nossas dores e os medicamentos necessários para nossa saúde física, espiritual e mental.

Agradecemos a Deus, nosso Pai Bondoso por todas as bênçãos e a Jesus, nosso Mestre, agradecemos ao Teu coração bondoso pela oportunidade a nós concedida de estudarmos e refletirmos em torno do Teu Evangelho de Luz.

Que possamos estar agora, mais fortalecidos e esclarecidos, que possamos rever nossas atitudes, avaliando nosso comportamento, reconhecendo nossos erros e nos dispor a modificá-los. Que possamos Mestre Amado, nos tornarmos pessoas melhores, merecedoras do Teu Amor e da Tua Luz.  

Que Tua Paz nos envolva sempre.

Que assim seja.

Graças a Deus, Graças a Jesus.

comments powered by Disqus