Associação de Divulgação da Doutrina Espírita

São José do Rio Preto - SP

Hora do Evangelho no Lar - Maior Mandamento - Estudo semanal, segundas-feiras.

Centro Espírita Francisco de Assis - Depto do Evangelho no Lar - segunda-feira, 17 de agosto de 2015

HORA DO EVANGELHO NO LAR
“Amarás a Deus de toda a tua alma, e ao teu próximo como a ti mesmo; estes dois pensamentos contêm toda a lei e os profetas”. (ESE – Cap. XV – item 5).

PRECE INICIAL
Queridos irmãos...que Jesus nos abençoe em nosso encontro de corações.
Jesus amigo, Mestre de todas as horas, mais uma vez estamos aqui reunidos em Teu nome e queremos pedir-te que nos abençoe e orienta-nos em nossos estudos de hoje. Que todos os companheiros, participantes, sejam amparados e fortalecidos e que todos nós sejamos envolvidos e inspirados pelo Teu Amor, Mestre Jesus.
Que em Teu nome, em nome da espiritualidade amiga que coordena esta tarefa, mas, sobretudo em nome de Deus, Nosso Pai, iniciamos nosso Estudo do Teu Evangelho de Luz.
Esteja conosco hoje e sempre.
Que assim seja.

MENSAGEM INICIAL
Caridade do Dever
De quando a quando, troquemos os grandes conceitos da caridade pelos atos miúdos que lhe confirmem a existência.
Não apenas os fatos de elevado alcance e os gestos heróicos dignos da imprensa.
Beneficência no cotidiano.
Não empurrar os outros na condução coletiva.
Evitar os serviços de última hora, nas instituições de qualquer espécie, aliviando companheiros que precisam do ônibus em horário certo para o retorno à família.
Reprimir o impulso de irritação e falar normalmente com as pessoas que nada têm a ver com os nossos problemas.
Aturar sem tiques de impaciência a conversação do amigo que ainda não aprendeu a sintetizar.
Ouvir, qual se fosse pela primeira vez, um caso recontado pelo vizinho em lapso de memória.
Poupar o trabalho de auxiliares e cooperadores, organizando anotações prévias de encomendas e tarefas por fazer, para que não se convertam em andarilhos por nossa conta.
Desistir de reclamações descabidas diante de colaboradores que não têm culpa das questões que nos induzem à pressa, nas organizações de cujo apoio necessitamos.
Pagar sem delonga o motorista ou a lavadeira, o armazém ou a farmácia que nos resolvem as necessidades, sem a menor obrigação de nos prestarem auxílio.
Respeitar o direito do próximo sem exigir de ninguém virtudes que não possuímos ou benefícios que não fazemos.
Todos pregamos reformas salvadoras.
Guardemos bastante prudência para não nos fixarmos inutilmente nos dísticos de fachada.
Edificação social, no fundo, é caridade e caridade vem de dentro.
Façamos uns aos outros a caridade de cumprir o próprio dever.

Xavier, Francisco Cândido. Da obra: Apostilas da Vida. Lição nº 03. Página 25. Ditado pelo Espírito André Luiz.

LEITURA DO EVANGELHO
Cap.15 – FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO.
- O Maior Mandamento
4 – Mas os fariseus, quando viram que Jesus tinha feito calar a boca aos saduceus, se ajuntaram em conselho. E um deles,que era doutor da lei, tentando-o, perguntou-lhe: Mestre, qual é o maior mandamento da lei? Jesus lhes disse: Amarás o Senhor teu Deus de todo o coração,e de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento. Este é o maior e o primeiro mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. Estes dois mandamentos contêm toda a lei e os profetas. (Mateus, XII: 34-40)
5 – Caridade e humildade, esta é a única via de salvação; egoísmo e orgulho, esta é a via da perdição. Esse princípio é formulado em termos precisos nestas palavras: “Amarás a Deus de toda a tua alma, e ao teu próximo como a ti mesmo; estes dois pensamentos contêm toda a lei e os profetas”. E para que não houvesse equívoco na interpretação do amor de Deus e do próximo, temos ainda: “E o segundo, semelhante a este, é: Amarás a teu próximo como a ti mesmo”, significando que não se pode verdadeiramente amar a Deus sem amar ao próximo, nem amar ao próximo sem amar a Deus, porque tudo quanto se faz contra o próximo, é contra Deus que se faz. Não se podendo amar a Deus sem praticar a caridade para com o próximo, todos os deveres do homem se encontram resumidos nesta máxima: Fora da caridade não há salvação.

Faça aqui suas reflexões sobre a lição estudada. Vamos aqui relembrar o significado da palavra Caridade: Benevolência para com todos, indulgência para com as imperfeições dos outros, perdão das ofensas. (LE – questão 886). A caridade, portanto, é a expressão do amor pelo próximo, é o amor em ação.
Estamos colocando nosso amor em ação? Estamos tendo benevolência para com as dificuldades de nosso próximo? E para conosco?
Precisamos nos perguntar sempre o que estamos fazendo em nossos dias, estamos mais próximos aos ensinos de Jesus ou estamos nos distanciando deles?
Pensemos nisto

VIBRAÇÕES
E assim queridos irmãos, vamos praticar agora a caridade em forma de oração. Vamos orar e vibrar por nossos irmãos mais necessitados e por nossa Pátria tão querida, pois Jesus nos disse que "onde estiverem reunidos em meu nome, lá estarei presente”
Então, juntos a Jesus, vamos elevando nossos pensamentos e envolvidos por sentimentos de gratidão, amor, carinho e bondade, vamos doar de nós mesmos a todos aqueles estão necessitando.
Senhor:
- derrame Tua Luz sobre os homens, abençoando os corações desiludidos, que desacreditaram de tudo, que perderam a fé.
- estende Tuas mãos misericordiosas sobre aqueles que perderam a ilusão de viver, sobre aqueles que não têm lágrimas mais pelo sofrer, que não têm nada mais a perder.
- olhe pelas crianças inocentes, pelos meninos de rua tão carentes de amor, de lar, de pão, de carinho, de afeto e amor.
- desperte nos adultos, a piedade pelo irmão que sofre a necessidade de dignidade pela falta de trabalho, de um salário, de saúde, de educação.
- fazei com que as nações desenvolvam o respeito, pois somos todos irmãos. Espalhe Senhor, a Paz sobre este mundo tão sofrido, sobre nossa Pátria tão querida, nosso Brasil.
- que todas as famílias sejam iluminadas, para que Teu amor resplandeça sempre em todos os lares, para que predomine sempre entre a família a compreensão, o respeito e o amor.
- que nosso Centro Espírita Francisco de Assis receba Tuas bênçãos e que, seus trabalhadores, aprendizes, assistidos, dirigentes, coordenadores sejam sempre envolvidos nos sentimentos de concórdia e simplicidade, de fraternidade, bondade e humildade.
- que todos os divulgadores do Teu Evangelho recebam proteção sempre, para que continuem a levar a consolação, o amor e o Evangelho a todos os corações sedentos de ensinamentos.
E por fim Senhor nós Te pedimos por nós mesmos, para que tenhamos sempre discernimento em nossos dias, em nossas ações e que tua paz nos envolva sempre.
Que assim seja. (silenciar uns segundinhos)

PRECE FINAL
"Coloca o teu recipiente de água cristalina à frente de tuas orações e espera e confia." [Emmanuel / Chico Xavier]
Jesus amigo, encerramos mais um encontro de corações, elevando nossos pensamentos e nossos sentimentos com muita gratidão por estes momentos de estudo e reflexão. Obrigada Jesus por todos os Teus ensinamentos, que possamos tê-los em nossos corações, mas acima de tudo que Teus ensinamentos estejam sempre presentes em nossas ações. Pedimos-te Mestre, permissão para que os Benfeitores Espirituais fluidifiquem nossas águas com bênçãos cristalinas de energias salutares que nos proporcione equilíbrio físico, espiritual e mental.
Inspira-nos sempre Senhor o sentimento de perdão e justiça, pois somente assim aprenderemos a amar ao próximo como a nós mesmos. Que sejamos sempre instrumentos vivos e operosos da Tua Paz e do Teu Amor, de acordo com Tua Lei.
Permaneça conosco Senhor, por hoje, amanhã e sempre.
Que assim seja!


Que todos nós possamos ter uma semana de paz, de amor e harmonia. Que Jesus esteja sempre presente em nossas vidas. Recebam nosso abraço fraterno e até na próxima semana para mais um encontro de corações.

comments powered by Disqus